You are currently viewing Produtos hospitalares em silicone: o que são e como escolher o ideal?

Produtos hospitalares em silicone: o que são e como escolher o ideal?

Os produtos hospitalares são caracterizados por sua utilização na realização de diversos procedimentos médicos, inclusive os fisioterápicos e odontológicos. Além disso, eles também são utilizados para o diagnóstico e tratamento, reabilitação e monitoramento de pacientes.

Pensando nisso, a Kinner, pioneira no desenvolvimento das melhores soluções em silicone para a área da saúde, preparou este conteúdo sobre os principais tipos de produtos hospitalares e o uso de silicone na produção dos mesmos.

Confira!

Produtos hospitalares: conheça os principais tipos

Em todos os mercados, é comum que os produtos variem conforme as suas funcionalidades. Assim também ocorre em relação aos instrumentos hospitalares, afinal, um equipamento utilizado para diagnóstico, não é produzido como um produto empregado durante um procedimento cirúrgico.

A seguir, você confere os principais tipos de produtos hospitalares no mercado, cada um direcionado para uma função específica dentro do ambiente hospitalar. Conheça mais sobre eles:

Produto médico

Se referem aos produtos hospitalares que não possuem contato direto com o corpo humano, como equipamentos utilizados em procedimentos cirúrgicos. 

Como exemplo de produtos médicos temos: materiais ou artigos de uso, ou aplicação médica, laboratorial ou odontológica. Seu uso é comumente direcionado à prevenção de doenças, tratamento anticoncepção e reabilitação, não sendo utilizado em meios relacionados a imunidade, metabolismo e farmácia.

Durante o processo de desenvolvimento do silicone para uso em produtos médicos, é essencial realizar um controle rigoroso de qualidade para garantir que os produtos médicos de silicone atendam aos requisitos e padrões estabelecidos. 

Produto médico ativo

Esta categoria abrange os equipamentos médicos que precisam de uma fonte de energia para manter seu funcionamento. Não fazem parte desta categoria, produtos hospitalares destinados ao transporte de substâncias ou outros elementos que estejam entre o paciente e um produto médico ativo.

Assim como em todos os casos de produtos médicos ativos utilizados em hospital, os confeccionados em silicone necessitam passar por um rígido processo, com a adição de ser necessária também uma avaliação elétrica.

Produto médico ativo para diagnóstico

Qualquer equipamento médico cuja utilização seja feita de maneira isolada ou em combinação com outros produtos hospitalares e tenha como objetivo transmitir informações relacionadas a detecção, monitoramento, diagnóstico ou tratamento de condições adversas de saúde.

Produto para uso único

Os equipamentos hospitalares de uso único são destinados para aplicação na prevenção, diagnóstico, reabilitação, anticoncepção e terapia podendo ser usados apenas uma única vez.

O desenvolvimento do silicone para fabricação de produtos de uso único é um processo complexo que deve seguir diretrizes regulatórias específicas para garantir a segurança e eficácia desses produtos. Por esse motivo é importante escolher o tipo certo de silicone para esta fabricação.

Produto de uso ativo para terapia 

Todos os produtos destinados à sustentação, substituição, modificação ou restauração de estruturas, ou funções biológicas. Comumente são aplicados em contextos nos quais há a necessidade de tratamento ou alívio de enfermidades, lesões ou deficiências.

Por ter contato direto com o paciente, os produtos de uso ativo para terapia são desenvolvidos em silicone combinado a tecnologias terapêuticas avançadas para criar dispositivos médicos ativos destinados a fins terapêuticos específicos.

Produto médico específico para utilização em implantes

A categoria de produtos hospitalares implantáveis faz parte das que exigem maior cuidado. O motivo disso é por se tratarem de equipamentos que serão introduzidos no corpo humano, permanecendo internamente no paciente a longo prazo.

Dessa forma, para uso implantável, é necessário ter um maior cuidado para fabricação em material que não apresente risco de ser explantado (recusado pelo próprio corpo).

Nesse caso, é importante que a fabricação do produto médico para utilização em implantes seja confeccionado em silicone biocompatível, seguro e durável, seguindo normas que tornem o procedimento o menos invasivo possível.

Para uso em procedimentos invasivos 

Indicado para procedimentos nos quais o equipamento irá penetrar total ou parcialmente na parte interna do corpo humano. Essa aplicação pode ocorrer por meio de um orifício específico do corpo ou sob a superfície corporal.

O desenvolvimento do silicone nesse caso segue rigorosos padrões de segurança e regulamentação. O processo pode levar vários anos e envolve a colaboração entre cientistas, médicos, pacientes e agências regulatórias para garantir que o material seja seguro e eficaz quando utilizado em intervenções médicas.

Produto médico para utilização em produtos cirurgicamente invasivos 

Em casos onde são necessárias intervenções cirúrgicas de maior complexidade, os produtos hospitalares indicados são para uso cirurgicamente invasivo. São esses os equipamentos que fazem com que a cicatrização e o processo de recuperação se torne mais seguro.

O silicone utilizado para confecção de produtos cirurgicamente invasivos deve ser biocompatível e passar por uma série de regulamentações para gerar confiabilidade no produto. Além disso, o material precisa ser durável.

Qual a importância de escolher os produtos hospitalares adequados?

Em primeiro lugar, a importância de contar com produtos hospitalares adequados é para uma melhor promoção de diagnósticos precisos, maior eficiência e segurança para os pacientes. Através deles é possível direcionar melhor um tratamento.

Além disso, eles são projetados e fabricados para atender aos padrões de segurança mais recentes, passando por testes rigorosos para garantir que sejam seguros não apresentem riscos adicionais aos pacientes. 

Outro ponto que reforça a importância do uso de produtos hospitalares para promover um bom diagnóstico só se tornou possível através dos avanços tecnológicos de equipamentos do segmento hospitalar.

Assim, em cenários nos quais apenas os exames laboratoriais não são suficientes para diagnóstico preciso, os equipamentos médicos hospitalares reduzem as chances de erros, uma vez que possibilitam uma análise mais profunda no organismo.

Principais cuidados ao adquirir produtos hospitalares

  • Busque comprar de um local de confiança
  • Transporte corretamente os produtos hospitalares
  • Realize manutenções preventivas periodicamente
  • Mantenha um padrão de limpeza do silicone
  • Atenção às normas de utilização

Produtos hospitalares fabricados em silicone

A Kinner é pioneira na fabricação de produtos médicos hospitalares em silicone, sendo responsável pela nacionalização das traqueias de silicone, estando presente em diversos segmentos.

Atuamos para comprovar a cada ano que o silicone é a melhor matéria-prima quando se trata de biocompatibilidade, cores e aplicações. Além de apresentar resistência a altas temperaturas, possuir alta durabilidade e altos ciclos de esterilização, garantindo a redução de custos e a possibilidade de reaproveitamento. Confira alguns dos produtos hospitalares fabricados em silicone pela Kinner:

Tubos

Produtos hospitalares em silicone: tubos

Os tubos de silicone são fundamentais para auxiliar na condução e eliminação de líquidos residuais, assim como no transporte de gases, na administração de ar e na transferência de um produto hospitalar para outro.

Dentre as formas de aplicação mais comuns, estão:

  • Aspiração;
  • Drenagem;
  • Sucção;
  • Oxigenoterapia.

Benefícios

  • Alta performance;
  • Alta resistência mecânica;
  • Transparentes;
  • Resistentes à coagulação;
  • Baixo teor de voláteis;
  • Livre de odor;
  • Suportam 30 ciclos de esterilização.

Traqueias

Produtos hospitalares em silicone: traqueias

Possuindo bocais padronizados, as traqueias em silicone podem ser utilizadas para facilitar o transporte de gases, vapores medicinais, anestesia, entre outros medicamentos até os pacientes.

Assim como todos os produtos hospitalares fabricados em silicone, as traqueias são atóxicas e não possuem cheiro. Além disso, apresentam uma alta resistência mecânica, baixa volatilidade e material que evita acúmulo de sujeira.

Pera

Produtos hospitalares em silicone: pera

A pera de silicone serve para ser utilizada com uma válvula de metal altamente resistente, com regulagem precisa de saída de ar. Seu uso está normalmente direcionado a utilização em Esfigmomanômetros

Algumas vantagens da pera de silicone estão ligadas a sua resistência a autoclavagem, podendo ser esterilizada por diferentes processos, como via desinfecção por álcool. Assim como o equipamento anterior, a pera de silicone é produzida com material atóxico, biocompatível, que facilita a limpeza. 

Além disso, é livre de látex o que faz com que não se deteriore com o passar do tempo, como ocorre em outros materiais produzidos em borracha.

Bolsa

Produtos hospitalares em silicone: bolsa infusora

Desenvolvidas em silicone autoclavável a bolsa possui um interior no qual é possível inserir frascos com soluções intravasculares com pressão controlada. Esse diferencial facilita na hora de transfusões sanguíneas, por exemplo.

Seu uso é ideal para diversos procedimentos médico-hospitalares, como em artroscopias, histeroscopias, laparoscopias, terapias intensivas, centros cirúrgicos, entre outros.

Circuitos

Os circuitos são uma parte bastante conhecida quando falamos sobre produtos hospitalares. Eles são ideais para que o transporte de fluxo de gases e vapores medicinais seja feito de forma efetiva, partindo do equipamento de ventilação pulmonar ou de anestesia até o paciente. 

Assim como outros produtos produzidos pela Kinner, os circuitos não possuem látex, sendo atóxicos e hemocompatíveis em sua composição. Eles possuem conexões em polisulfona, um polímero termoplástico que possui grande resistência térmica, ideal para aplicação médica.

Por que escolher produtos hospitalares em silicone produzidos pela Kinner?

Os produtos em silicone desenvolvidos pela Kinner para o setor hospitalar conta  com tubos, traqueias, pressurizadores de líquidos, circuitos e peras de insuflamento.

Todos são cadastrados devidamente junto à ANVISA conforme determina a legislação. Isso é imprescindível para garantia da segurança que o ambiente hospitalar exige.

A confecção dos produtos hospitalares é pensada e produzida em conjunto com hospitais, centros médicos, clínicas, consultórios, entre outros. A equipe pesquisa e desenvolve equipamentos com alta qualidade e alto desempenho, garantindo a solução esperada.

O silicone, utilizado como matéria-prima na confecção dos produtos da Kinner, é obtido a partir de uma série de processos altamente qualificados, obtendo assim a borracha de silicone resistente responsável pela produção dos melhores produtos.

Conheça nossos produtos hospitalares em https://www.kinner.com.br/hospitalar/ e entre em contato com a nossa equipe!

Deixe um comentário